Lençóis Maranhenses: o que fazer, quando ir, como chegar e onde ficar

Ei viajante, tudo bem?! Eu tive a oportunidade de conhecer os Lençóis Maranhenses recentemente e no post de hoje vou contar tudo o que você precisa saber antes de visitar o local. Darei dicas de quando ir, onde ficar, o que fazer e muito mais!

O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses possui mais de 160.000 hectares e ocupa um perímetro de 270 km, estando localizado na área dos municípios de Barreirinhas, Santo Amaro e Primeira Cruz. A região é formada por lagoas que se enchem com a água da chuva, mangues, dunas e rios.

Mas, resumindo, o que você precisa saber é: o lugar é M A R A V I L H O S O!!

Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses
Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses

# Lençóis Maranhenses – Quando ir

Eu visitei os Lençóis no início de setembro e posso dizer que foi espetacular! Não peguei chuva, as piscinas tinham água, não achei o calor insuportável e não estava muito cheio de gente.

Um dos meus guias disse que a melhor época para ir é junho, pois as piscinas estão com água, a época de chuvas já acabou e ainda não está muito cheio de turistas. Julho e agosto também são meses bons, porém lotados de turistas.

A partir de final de setembro as piscinas começam a ficar secas e só começarão a encher novamente lá pra fevereiro, com o início da época de chuvas. Claro que isso pode variar muito de ano pra ano.

Minha opinião pessoal: os Lençóis são lindos de qualquer forma, mas acho que para ter uma experiência completa o ideal é ir quando as piscinas estão cheias.

Lençóis Maranhenses
Calmaria nos Lençóis

#Lençóis Maranhenses – Como chegar

O aeroporto de São Luís fica a mais ou menos 250 km do Parque e na cidade de Barreirinhas tem um aeroporto que recebe somente voos fretados (mostrando-se uma opção bem cara). O ideal é voar até São Luís e lá alugar um carro ou pegar uma van fretada/carro privado para Barreirinhas ou Santo Amaro (falarei mais das duas cidades ali embaixo). São em média 4 horas de viagem terrestre.

O meio de deslocamento mais utilizado é a van fretada. Existem vários horários de partida, sendo o primeiro por volta das 6h da manhã e o último lá pelas 16h.

Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses
Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses

# Lençóis Maranhenses – Quantos dias ficar

Eu fiquei 3 dias, mas acho que o ideal são pelo menos 5. A região é linda e você não vai ficar entediado por lá.

Checklist: O que levar na bagagem de viagem

Para não esquecer de levar os itens essenciais em sua viagem, baixe gratuitamente o Checklist: O que levar na bagagem de viagem

NÃO vale a pena fazer bate volta da capital para os Lençóis! Lá tem muitos passeios pra curtir e em um bate volta você vai se desgastar e não vai aproveitar quase nada, conseguirá fazer apenas um passeio.

# Lençóis Maranhenses – Onde ficar

Existem 2 cidades base que são usadas por quem vai explorar os Lençóis: Barreirinhas e Santo Amaro.

Barreirinhas

Eu escolhi ficar em Barreirinhas pois lá tem um infra estrutura melhor.

Como chegar – A melhor opção, e também a mais comum, é pegar uma van. Existem inúmeras empresas que fazem o trajeto. A viagem dura entre 3 a 4 horas. O valor médio é R$70,00 o trecho.

Onde se hospedar – existe uma grande variedade de pousadas, a maioria bem simples, mas confortáveis. Eu fiquei na Pousada do Riacho e gostei, recomendo. Para achar a melhor opção de acordo com seu perfil basta clicar aqui e fazer uma pesquisa no site do Booking. Se você fizer sua reserva através deste link o blog ganha uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso. Essa é uma forma de você me agradecer por compartilhar tanto conteúdo legal e gratuito =)

Pousada que fiquei em Barreirinhas
Pousada que fiquei em Barreirinhas

Santo Amaro

A cidade possui menos turistas e acesso mais fácil ao Parque. Ouvi relatos de que os Lençóis são mais bonitos lá, mas não posso dar minha opinião pois só conheci a parte de Barreirinhas. Se você já foi a Santo Amaro ou pretende ir, conta sua experiência pra gente ali nos comentários =)

Como chegar – mesmo esquema de Barreirinhas, porém costuma custar um pouco mais caro, entre R$80 a R$100.

Onde se hospedar em Santo Amaro – também existem várias opções de pousadas, basta clicar aqui para fazer sua pesquisa no site do Booking e escolher a que mais tem a sua cara.

# Lençóis Maranhenses – O que fazer (Passeios)

Gente, tem muiiita coisa pra fazer por lá! A tarefa mais difícil vai ser escolher os passeios. Eu fiz apenas 3 =(

Carros que levam a gente para conhecer os Lençóis.
Carros que levam a gente para conhecer os Lençóis.

Lagoa Azul

O melhor passeio, na minha opinião. Em breve vou publicar um post exclusivo sobre ele, contando tudo que você precisa saber e dando spoilers através das fotos maravilhosas que tirei. Fica ligado!
É um passeio de meio dia, você pode escolher fazê-lo na parte da manhã ou na parte da tarde. Passará por umas 4 piscinas dos grandes lençóis.

Lagoa Bonita

Assim como o passeio acima, tem duração de meio dia e você pode escolher fazê-lo na parte da manhã ou na parte da tarde. Passará por umas 3 piscinas dos grandes lençóis. Neste passeio você terá que “escalar” uma duna de 75m, caso tenha problema nas costas ou no joelho sugiro escolher outra opção.

Atins

Passeio de dia inteiro. Nele vai passar pelo vilarejo de Atins; ver onde o rio Preguiça encontra o mar; nadar na Lagoa das 7 mulheres; tomar banho de mar; conhecerá o famoso restaurante do Sr. Antônio e vai sacudir bastante na toyoteira (nossa, me senti dentro de uma máquina de lavar de tanto que eu sacudi rs)

Lençóis Maranhenses = Paraíso!!!
Lençóis Maranhenses = Paraíso!!!

Boia cross

Não posso falar muita coisa a respeito pois eu não fiz esse passeio, mas pelo que eu vi me pareceu beeem tranquilo. Consiste em descer de boia pelo rio Cardosa.

Passeio de quadriciclo

O guia me contou que é um passeio de dia inteiro e nele é possível conhecer parte dos pequenos Lençóis. Custa em média R$350.

Voo sobre os Lençóis

Passeio pra gente rica e elegante hahaha. Por motivos de falta de riqueza não fiz. Mas deve ser espetacular!

# Quanto custa viajar para os Lençóis Maranhenses

O segundo post sobre os Lençóis Maranhenses será um da famosa série “Quanto custa viajar”. Para não perdê-lo basta curtir nossa página do Facebook ou assinar nossa newsletter (te enviaremos o post por email).

# Dicas

-Não existe sombra no Parque, leve um chapéu daqueles com cordinha para não correr o risco de perdê-lo, pois venta muito por lá.

-Levar roupas confortáveis e leves.

-Hidratar, hidratar e hidratar. Muitas pessoas ficam tão maravilhadas com a paisagem que esquecem de beber água e ficam desidratadas.

-Abuse do filtro solar. Como venta bastante você pode não sentir o sol queimando e só perceber o “estrago” depois.

-Levar água e um lanchinho nos passeios. Dentro do Parque não tem lugar pra comprar nada.

-Sempre carregar uma sacola plástica para guardar seu lixo, no Parque não há lixeiras.

-Assista o pôr do sol.

-Leve dinheiro, não é todo lugar que aceita cartão de crédito. Lembre-se: você está indo para o interior do Maranhão.

Pôr do sol na Lagoa Azul
Pôr do sol na Lagoa Azul

E aí, partiu viajar para os Lençóis Maranhenses?! Se você tiver alguma dúvida ou sugestão deixa um comentário pra gente aqui embaixo. Ahhh, segue a gente no Instagram pra conferir nossas fotos de lá!

Até o próximo post!

Nasci e cresci no interior de Minas Gerais, sou advogada de formação e consultora de viagens de profissão. Tenho 32 anos e desde sempre sonho em viajar o mundo. Já visitei 32 países (alguns mais de uma vez), tendo morado em 4 deles. Em 2016 criei o blog Partiu Viajar para ajudar e inspirar mais pessoas a viajar.

RELACIONADOS