2 anos de aventuras incríveis por esse mundão!

Ei pessoal! O post de hoje é um pouquinho diferente daqueles que vocês estão acostumados, pois hoje o Partiu Viajar está fazendo 2 anos de vida!! EEEE, parabéns pra gente =D haha. É mais um agradecimento e uma forma de incentivar você a criar coragem para viajar sozinho (a).

Nesses 2 anos de vida do Blog fiz mochilão pela Ásia, mochilão pela Europa, pelo Brasil e planejei vários outros mochilões que ainda não fiz haha. Nós passamos por 26 países (Camboja, Tailândia, Vietnã, Chile, Marrocos, Portugal, Itália, Croácia, Eslovênia, Hungria, Eslováquia, Sérvia, Polônia, Alemanha, Bélgica, França, Inglaterra, Irlanda, Escócia, Irlanda do Norte, Finlândia, Suécia, Noruega, Dinamarca, Estônia, Brasil), cerca de 70 cidades e percorremos quase 100.000 km.

Equipe Partiu Viajar curtindo uma praia =)
Equipe Partiu Viajar curtindo uma praia =)

A ideia do Blog surgiu como um hobby, uma maneira de contar para o mundo algumas das minhas histórias, mostrar como não é complicado viajar, que basta um pouco de planejamento e muita vontade.

Muitas pessoas me procuram para parabenizar pela coragem de viajar e dizem que gostariam de fazer o mesmo, porém o que falta é coragem. Gente, eu sei que dá um medinho pensar em cair na estrada sozinha (o), ir para um lugar novo onde você não conhece ninguém, às vezes sem falar o idioma do lugar, às vezes com pouca grana, mas compensa demais enfrentar esse medo e ir, pois quando vocês estiverem realizando esse sonho vão ver como é incrível, como é libertador!

Rope Bridge - Irlanda do Norte | Criando coragem para viajar sozinho
Rope Bridge – Irlanda do Norte | Criando coragem para viajar sozinho

Já passei vários perrengues nas minhas viagens….algumas eu estava sozinha, outras acompanhada…em algumas eu sabia falar o idioma do país, em outras não. Já vivi muitas situações inusitadas, já tive medo, já quis voltar quando a saudade apertou demais, etc. Enfim, tudo que vivi fez de mim uma pessoa melhor e mais interessante!

Se você tem receio de viajar sozinha (o) ou mesmo acompanhada (o), vou te dar um conselho para você ficar mais tranquilo: faça uma pesquisa sobre o lugar que quer conhecer, leia relatos e faça um planejamento detalhado da viagem. Você vai se sentir muito mais amparado e seguro, tenho certeza!

Aqui no blog mesmo já escrevi vários posts sobre planejamento e dicas, para quem quiser algo mais detalhado e for viajar para a Europa temos o ebook “Passo a passo para planejar um mochilão pela Europa” e para aqueles que não tem tempo ou paciência para ficar realizando mil pesquisas na internet temos o serviço de consultoria personalizada de viagens. Viu como não tem desculpa para não viajar? rs

Mochila pronta! | Criando coragem para viajar sozinho
Mochila pronta! | Criando coragem para viajar sozinho

# Uma história que exemplifica meu amor por viagens – Coragem para viajar sozinho (a)

Não sei se já comentei com vocês, mas uma das viagens mais legais que eu já fiz foi o mochilão para o Sudeste Asiático, adorei especialmente a Tailândia! E o mais trágico foi que semanas antes da viagem eu sofri um acidente, quebrei o braço e quase tive que desistir dela. O médico me autorizou a viajar 2 dias antes da data de embarque, mesmo assim tive que ir com o braço engessado. Já imaginou?

Mesmo com o braço quebrado não abri mão de viajar e fui. Nos aeroportos, fui parada em todos os postos de segurança, pois eles desconfiavam que eu podia estar levando drogas no gesso. Isso mesmo, imagina meu medo de ser barrada?! haha.

Nos hostels tive que pedir para ficar só em camas da parte de baixo, pois não tinha como subir as escadas da beliche. No meio da viagem eu pude tirar o gesso, achei melhor eu mesma tirá-lo e foi uma aventura haha. Estava em um hostel longe dos meus amigos (Alê e Larrisa que me ajudaram demais, obrigada!!), a recepcionista não falava inglês, tive que pedir ela um balde para eu colocar água quente e deixar meu braço de molho para amolecer o gesso.

Momentos após a retirada do gesso. Olha a cara de felicidade rs
Momentos após a retirada do gesso. Olha a cara de felicidade rs

Meu braço ficou umas 2 horas na água, aí meus amigos chegaram, pegamos tesoura, colher e fomos raspando o gesso até ele soltar. Demorou umas 3 horas até meu braço ficar livre. No dia posterior, vivi uma das experiências mais legais da minha vida, passei um dia em um santuário de elefantes! Imagina se eu tivesse desistido da viagem por medo?! Não ia ter essa história tão legal pra contar pra vocês! rs

Dando o lanchinho da manhã para os elefantes
Dando o lanchinho da manhã para os elefantes

Enfim, hoje crescemos mais do que eu imaginava ser possível e tenho muito que agradecer cada um de vocês que nos apoia, que nos manda mensagem elogiando os posts, que através da nossa consultoria viu ser possível realizar aquela viagem dos sonhos. Se você ainda ainda não conferiu nossas outras rede sociais, temos um Canal no YouTube, um perfil no Instagram e uma página no Facebook! Apoia a gente lá também! =D

Que venham mais muitos anos de blog e viagens pela frente! Muito obrigada a cada um de vocês que acredita no meu trabalho e que apoia o blog! Espero que o post ajude vocês a criar coragem para viajar sozinho (a) pelo nosso mundão.

Ha Long Bay.
Ha Long Bay.

RELACIONADOS